Foto: Reprodução/Instagram

       Um caso envolvendo um personal trainer, a sua esposa e um morador de rua vem ganhando bastante repercussão nas redes sociais.

O que tá rolando: Polícia quer saber se mulher traiu personal trainer ou se foi vítima de estupro

       A princípio, o fato aconteceu em Planaltina, no Distrito Federal. O personal trainer, identificado como Eduardo Alves, de 31 anos, pegou a sua esposa ‘transando’ com um morador em situação de rua. Uma confusão desenfreada se desenvolveu, o personal foi para cima do morador de rua e o agrediu.

OUTROS ASSUNTOS

       Imagens de uma residência flagram toda a ação. À Polícia, Eduardo falou que orou a Deus e pediu um sinal para localizar a sua esposa. Foi quando em direção de uma paróquia e viu a sua mulher com o morador de rua fazendo sexo dentro de um veículo.

       O personal, em depoimento, afirmou que o morador em situação de rua teria tentado estuprar a sua mulher. No entanto, mais tarde a mulher contou que relações foram com consentimento e afirmou que havia o objetivo de ajudar pessoas necessitadas por meio da igreja.

       O caso segue na 16ª Delegacia de Polícia de Planaltina que apura o caso. A esposa do personal trainer contou a amigo que teria recebido uma “mensagem de Deus” para ajudar o homem com quem ela teve relações.