O Rio de Janeiro está deixando a terceira onda da pandemia de Covid-19 e entrando na fase de menor transmissão do coronavírus.  A informação é do secretário estadual de Saúde. Em entrevista exclusiva à Bandnews FM, Alexandre Chieppe disse, no entanto, que as recomendações de distanciamento social ainda são recomendadas, já que os casos podem voltar a crescer.

O secretário Alexandre Chieppe disse ainda que os casos de arbovirores no estado este ano foram baixos. Segundo ele, poucas epidemias ocorrem de foram simultânea.

Após o verão, período mais crítico das arboviroses, agora a preocupação da Secretaria de Saúde é com o aumento dos casos de doenças respiratórias, além da Covid-19, com a chegada da época mais fria do ano.

Com isso, o Governo reforça a necessidade de imunização do público alvo contra a gripe. Alexandre Chieppe lembra que apesar da suspensão da vacinação contra a Covid-19 em grávidas, as gestantes e puérperas devem se vacinar contra a influenza.

Também podem se vacinar contra a gripe crianças de 6 meses a 6 anos de idade, profissionais de saúde e idosos. O intervalo entre a aplicação da vacina contra a Covid-19 e a da influenza deve ser de 14 dias.