Publicidade

E quem nunca sonhou com a grande intenção de realizar? Sonhar faz parte e é bom para o nosso progresso como ser humano. Nos incentiva a bater a meta da vida.

Leia mais: Cláudio Castro anuncia que tarifa da SuperVia vai continuar R$ 5

Com a menina Kelloyn, de apenas 10 anos, não é diferente. A garota prodígio moradora de Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, matriculou-se, desde os 5 anos, no esporte de Ginástica Rítmica, na Vila Olímpica Oscar Schmidt.

Além disso, Kelloyn é registrada na Federação de Ginástica do Estado do Rio de Janeiro, a FGERJ.

Contudo, para continuar investindo no sonho, sem patrocínio, a moradora de Santa Cruz precisou abrir uma Vakinha virtual cuja meta é atingir o valor de R$ 15.000,00.

Publicidade

Eu sei que esse sonho é caro e no momento estou sem patrocínio e preciso de ajuda para realizá-lo”, conta Kelloyn.

De acordo com a Josilane de Oliveira dos Santos, mãe da menina prodígio de Santa Cruz, o valor arrecadado ajudaria bancar cursos fora do Estado do Rio, passagens, equipamentos esportivos, uniformes, figurinos, alimentação e hospedagem.

Esses cursos muitas vezes são em outros estados além do Rio. E não tenho condições, pois esses valores são caros, por isso eu peço essa ajuda para passagens de transportes, compra de aparelhos esportivos, uniformes, figurinos, alimentação, hospedagens, taxas de inscrições desses cursos e campeonatos, entre outros.

À reportagem, dona Josilane afirmou estar sem renda e, por isso, decidiu criar uma vaquinha no site Vakinha.

Você pode investir neste sonho clicando no botão abaixo.

Publicidade